Home Mercado & Investimento Investimento | COM A CURVA CORONAVÍRUS CRESCENDO DE NOVO, COMO FICA O MERCADO IMOBILIÁRIO?
Investimento | COM A CURVA CORONAVÍRUS CRESCENDO DE NOVO, COMO FICA O MERCADO IMOBILIÁRIO?


Com os números de casos e mortes pelo COVID-19 aumentando nos Estados Unidos notamos uma leve mudança também na indústria imobiliária no mês de julho. Comparando este ano ao ano passado, mesmo durante a pandemia, notamos um aumento do valor dos imóveis e outras mudanças de 22% acima do preço dos imóveis listados à venda na região metropolitana de Atlanta.

De acordo com as estatísticas do sistema de MLS no mês de julho passado, tivemos uma média de preço dos imóveis residenciais de US$270 mil, significando 4,2% mais alto, média de preço por pé quadrado de US$123sqft, um aumento de 5%, o número total de casas vendidas 10.245 tendo uma queda de apenas 1%, com média de 35 dias no mercado antes de receberem uma proposta, um aumento de 35%. Todas essas estatísticas são em comparação aos dados do mesmo mês julho de 2019. Isso significa que o mercado imobiliário não parou mesmo no meio de uma pandemia. A Geórgia está entre uma das melhores cidades de investimento em Real Estate. Por aqui, estamos vendendo imóveis hoje acima do preço de mercado, mesmo ficando mais tempo no mercado também.

Sabemos que os juros ainda estão super baixos, propiciando a lei da oferta e da procura, tendo mais procura do que oferta. Neste momento de “Seller’s market” (Merca do Vendedor) tivemos 11.034 casas disponíveis à venda, um aumento de 6% no mês de julho em relação a junho. Estamos notando que os proprietários colocaram as casas à venda no mês de julho para fechamento em agosto/setembro antes das escolas começarem. Mas, e agora com as escolas abrindo e os casos de coronavírus aparecendo em alguns condados como Cherokee County no início deste agosto? Será que vamos ter número menor de imóveis disponíveis ou teremos sellers (vendedores) com visões de negócios que aproveitarão para vender e retirar suas grandes valorizações e “equity” (capital próprio) dos imóveis nos últimos doze anos? Temos também preocupação dos “homeowners” (proprietários) de venderem suas casas e não encontrarem outro imóvel para comprar, às vezes com mesmo “budget” (orçamento) ou até na mesma área de escola. Ainda tendo a opção de fazer on-line school, muitos pais e estudantes não querem mudar de escola. Então, se você tem um plano de vender a sua casa nos próximos meses, não espere a estação de baixa temporada para vender, aproveite que o mercado está a seu favor.

Mesmo com as curvas do COVID-19 subindo, o mercado imobiliário ainda está estável, aproveite os juros baixos para comprar a sua casa própria, mesmo porque o valor da sua prestação, dependendo do valor do imóvel, e da sua entrada pode ser menor do que seu valor de aluguel todo mês. Pense nisso!

Outro assunto que muitas pessoas me ligam para saber é se elas são qualificadas para algum tipo de financiamento e quanto de entrada precisariam. Diz Luciana Young da PRMG (Paramount Residential Mortgage Insurance): “Existe um leque de tipos de financiamentos disponíveis hoje no mercado, e cada caso é um caso. Nunca compare a sua situação com a situação do amigo ou parente; cada aprovação vai depender da sua renda familiar declarada com o Governo Federal e Estadual, seu histórico de crédito e de sua habilidade de pagar o financiamento requerido.” Dentre esses tipos citados por Luciana Young estão:

  • Empréstimo convencional – A partir de 3% de entrada somente para “first time home buyers” (compradores de casa pela primeira vez) e 5% mínimo de entrada para os demais compradores, 15/30 anos juros fixos ou ARM- 5/7/10 anos “fixos”, mais PMI. Quem qualifica: cidadãos americanos, residentes legalmente no país com green cards, work permit ou vistos de trabalho, religioso ou investidor. Esclarecendo que PMI significa Private Mortgage Insurance, um seguro obrigatório que todo banco que trabalha com financiamento e empréstimos de imóveis exige quando o comprador adquire um imóvel dando menos de 20% de entrada; e ARM são taxas de juros fixo por um tempo determinado de anos, em que depois de um período fixo são ajustados de acordo com a taxa de juros do mercado financeiro da época do vencimento desses juros, geralmente entre 5/7/10 anos para ter a sua primeira variação de juros.
  • Empréstimo FHA – 3,5% mínimo de entrada, com juros fixos por 30 anos, mais PMI de 1,75% “premium upfront” (Premium inicial) do valor do empréstimo, mais uma média de 0,80% mensalmente por toda a vida do empréstimo. Quem qualifica: cidadãos americanos, residentes legais e quem tem “work permit” (permissão de trabalho). O FHA é um empréstimo garantido pelo governo federal, por isso eles oferecem os benefícios e o imóvel deve estar dentro dos requisitos do financiamento FHA.
  • Empréstimo VA – 0% de entrada, 30 anos juros fixos. Exclusivos para veteranos e sobreviventes de veteranos com benefícios do esposo ou esposa mesmo após a morte.
  • Empréstimo USDA – 0% de entrada, 30 anos fixo, somente para determinadas áreas rurais dentro do mapa específico de cada estado. Quem qualifica: cidadãos americanos, residentes legais e portadores de “work permit”.
  • Empréstimo Privado ou “Hard Money Lenders” – depende do seu investidor privado, geralmente os juros são mais altos. Quem qualifica: qualquer indivíduo com Social Security, Drivers License ou tax ID.
  • Empréstimo de Extrato Bancário – 20% de entrada, com 30 anos fixo, e a qualificação é variada de acordo com os extratos bancários dos últimos 24 meses e histórico de crédito. Quem qualifica: Cidadãos americanos e residentes legais.
  • Empréstimo de TAX ID - 20% de entrada, com 30 anos fixo, a qualificação é variada de acordo com o último imposto de renda declarado, histórico de trabalho dos últimos cinco anos e crédito do aplicante. Quem qualifica: aplicantes com tax ID e declaração de imposto de renda.


Lembre-se de sempre consultar o seu corretor local (Real Estate Agent) e o seu consultor de financiamento de imóveis na sua comunidade brasileira. Estamos a sua disposição qualquer esclarecer qualquer dúvida. Aqui na Keller Williams Realty Atlanta Partners e PRMG falamos a sua língua.



Wanessa Moore
Corretora licenciada na
Geórgia pela Keller Williams
Atlanta Partnes

 

Translate

Portuguese English Spanish