Home Capa
Capa | Brasileiros de Atlanta vão às urnas!
Tuesday, 16 October 2018 00:00


No dia sete de outubro, a cidade de Atlanta acordou verde e amarela. Apesar de ser um domingo, às oito horas da manhã, a fila para a votação para as eleições presidenciais brasileiras, no Consulado Geral do Brasil em Atlanta, já estava longa. Alguns brasileiros chegaram às seis horas da manhã para garantirem seu lugar.

Às onze horas da manhã, a fila estava dando voltas no 4º andar do estacionamento do Consulado. O bom humor do brasileiro contagiou até os americanos que estavam trabalhando na organização para a votação. Além da motivação de poderem participar da decisão de escolher o próximo presidente do Brasil, os brasileiros da nossa comunidade aproveitaram o momento para reencontrar antigos conhecidos que há muitos anos não viam. A maioria compareceu acompanhada de amigos e familiares.

Até mesmo aqueles que não conseguiram regularizar o título de eleitor ou transferirem suas zonas eleitorais para Atlanta, compareceram para encorajar uns aos outros e participarem indiretamente deste momento histórico para a Comunidade Brasileira em Atlanta. Desavenças partidárias à parte, todos de nossa comunidade estão torcendo para que o próximo presidente da nossa nação traga crescimento e prosperidade à nossa terra natal.


Aumento de brasileiros votando no exterior surpreende


O aumento surpreendente de brasileiros votando fora do Brasil não ocorreu somente nas seções de Atlanta. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o número de cidadãos brasileiros aptos a votar no exterior nessas eleições chega a 500 mil, equivalente a 0,34% do eleitorado total. Foram colocadas urnas para votação em 171 locais, em 125 nações. O maior contingente de eleitores brasileiros expatriados e imigrantes está nos Estados Unidos: 160 mil. As cidades com o maior número de eleitores também ficam nos Estados Unidos: Boston e Miami, seguida por Tóquio, no Japão.

De acordo com o TSE, em 2014, 354.184 eleitores brasileiros estavam cadastrados para participar das eleições fora do Brasil. O crescimento de 41,37% se deve a uma parceria entre o tribunal e o Ministério das Relações Exteriores que possibilitou a adoção de medidas que facilitaram o cadastramento eleitoral de brasileiros residentes no exterior.

O aumento no número de brasileiros aptos a votar foi registrado em praticamente todos os países. Na Europa, são mais de 170 mil pessoas, com destaque para os 39 mil eleitores inscritos em Portugal, 25 mil no Reino Unido, 19 mil na Suíça e 11 mil na França.

Em Atlanta, o Consulado Brasileiro fez várias ações nos finais de semana para facilitar o cadastramento da comunidade brasileira local. Entre as cidades que mais se cadastraram está Marietta. O prazo para regularizar a documentação eleitoral se encerrou no 28 de maio deste ano.

Segundo a Agência Brasil, o perfil do eleitorado brasileiro na votação no exterior deste ano mostra que as mulheres foram maioria entre os brasileiros aptos a participar das eleições fora do Brasil (58,4%), totalizando 292.531 eleitoras, enquanto os homens equivalem a 41,6% do eleitorado. A faixa etária que predomina fora do país vai de 35 a 39 anos, seguida dos eleitores que têm entre 40 e 44 anos.


Resultados da votação em Atlanta


Em Atlanta, 75% dos eleitores votaram no candidato Jair Bolsonaro e, 7% em Ciro Gomes, 6% em J. Amoedo, 4% em Fernando Haddad, 2% em G. Alckmin, 2% em A. Dias, 1% para Marina Silva, e 1% outros votos (nulos, em branco).

Apesar da grande multidão que compareceu ao consulado no dia da votação, o total de eleitores que poderam votar foi de 3.910, um recorde na história da comunidade brasileira de Atlanta.


Disputa no 2º turno


Jair Bolsonaro, do PSL conquistou 49.276.990 (46,03%) de votos válidos, já Fernando Haddad obteve 31.342.005 (29.28%). Os dois agora disputarão o 2º turno que ocorrerá no dia 28 de outubro. A divulgação do resultado das eleições começa logo depois que a votação chegar ao fim. É possível acompanhar o resultado no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Com a urna eletrônica é possível saber quem ganhou a eleição em poucas horas. O tempo varia de acordo com o número de seções e de zonas eleitorais de cada município e também pode variar pela quantidade de eleitores de cada cidade.

O processo da apuração dos votos tem início na urna e termina no TSE. A primeira parte da apuração acontece nos Tribunais Regionais Eleitorais e, depois que são calculados os votos de cada região, os resultados são enviados ao TSE para totalização.

Apesar da rapidez do processo, segundo a Resolução nº 23.456/15, o TSE tem até 3 dias após a contagem final para divulgar o resultado das eleições no seu site.


Como votar nas eleições presidenciais em Atlanta


Todos os brasileiros que transferiram seus títulos eleitorais para votar no exterior, e estão com seção eleitoral de Atlanta, devem comparecer às repartições do Consulado Geral do Brasil em Atlanta no dia 28 de outubro para votar nas eleições presidenciais em segundo turno. Mesmo aqueles que não tenham votado no 1º turno, desde que estejam aptos a votar na seção consular de Atlanta. Se você ainda não recolheu o seu título eleitoral, compareça ao Consulado antes do dia do pleito para retirada do documento.

Importante: títulos não serão entregues no dia 28 de outubro (2º Turno).

Local de votação: Two Alliance Center: 3560 Lenox Road NE, P4 Level, Rooms A/B/C, Atlanta-GA 30326

Horário da votação: das 08:00h a 17:00h (horário de Atlanta).


Documentação necessária para o dia da votação


Para votar, seu título deve estar regularizado e transferido para Atlanta. No dia da votação, leve o seu e-Título e um documento brasileiro de identificação com foto recente.

Embora recomendado, não é necessária a apresentação do título eleitoral em papel para votar.

O Consulado Brasileiro recomenda sempre levar passaporte brasileiro válido (capaz de identificar o eleitor), porque os documentos de identificação não podem ter fotos muito antigas ou infantis e devem estar em boas condições, ou seja, não podem estar danificados (rasgados, molhados, adulterados, com dois tipos de plastificação ou com a foto descolando, por exemplo).

Você poderá votar mesmo sem ter feito a biometria (pois o cadastro biométrico não é feito no exterior). Basta consultar a seção no site do TSE ou baixar em seu smartphone o aplicativo e-Título.

No dia da eleição, compareça sabendo o número da sua seção eleitoral.

Se o nome no título eleitoral estiver diferente do nome no documento de identificação, por favor apresente um documento comprobatório da mudança do nome (Certidão de casamento, decisão judicial etc.).



Da Redação

Last Updated on Tuesday, 16 October 2018 20:53
 
« StartPrev12345678910NextEnd »

Page 1 of 19

Translate

Portuguese English Spanish