Home Cia Humor
Cia Humor | A mudança
Monday, 18 April 2016 00:00

Sempre achei mudanças difíceis. Mudar de cidade, de hábitos, de opinião, mudar de religião, de gosto, mudar de time (que é praticamente impossível)... Mas todas essas mudanças têm algo em comum: todas requerem muita dedicação e força de vontade. Mas nada comparada com a mudança de casa. Esta sim requer toda a energia da família, dos amigos e de todas as gerações futura.

Minha esposa resolveu que nós deveríamos nos mudar para uma casa. Logo pensei que era uma loucura, que o apartamento onde estávamos morando estava ótimo. Mas como minha esposa tem sempre os melhores argumentos, como “Nós vamos nos mudar sim!! Porque eu quero e pronto!”, não há como negar um pedido tão carinhoso como esse. Então resolvi embarcar com ela nessa aventura. E que aventura, diga se de passagem. Eu sempre achei que a pior parte de uma mudança de casa seria a de ter que carregar e descarregar todos os móveis. Nunca pensei que a pior parte seria arrumar uma boa casa, com uma boa localização, com um bom preço, boa vizinhança, proximidade da highway, proximidade de um bom shopping mal e, claro, que o principal de tudo: uma casa que agrade minha mulher.

Nessas idas e vindas à procura de uma casa ficou bem claro que todas as espécies de placas de casas para alugar se transformam em placas de vendas; e todos os corretores de aluguel estão em extinção, retornando a suas atividades após você encontrar sua casa.

Mas mesmo com todos esses contratempos, minha esposa selecionou algumas casas para conhecermos antes de fazer a aplicação tudo; claro do gosto dela. Nestes últimos dias, tivemos a oportunidade de conhecer um pouco da história dos Estados Unidos. Aliás, para ser mais exato, um pouco da história de Marietta. Contada pelas casas históricas que estão disponíveis para locação, na verdade são casas velhas mesmo, tão velhas que o olho mágico da porta está com catarata e as dobradiças das portas com artrite.

Se aquele ditado de que panela velha é que faz comida boa for verdade, a cozinha dessa casa deve fazer a melhor comida do mundo. E pelo cheiro fortíssimo de naftalina, eu achei que todas as baratas da vizinhança haviam sido exterminadas. Mas, para minha surpresa, as baratas eram proprietárias da casa. Pode parecer mentira, mas a barata era tão grande que ela tinha um cachorro de estimação. Não sabemos precisar a idade certa da casa, mas retiramos um pedaço do piso e enviamos para um laboratório da universidade, para ser calculada a idade baseada nos fósseis de cupins encontrados na madeira.

O tempo está voando, passando mais rápido do que nunca e o dia que tenho que entregar o apartamento está cada vez mais próximo. E a indecisão da minha esposa está cada vez maior, saber qual casa escolher dentre todas as escolhas possíveis. Confesso que até conseguimos encontrar boas casas com excelentes localizações, mas a minha única preocupação é de ter que carregar e descarregar todos os móveis.




Kleber Pedroso
Humorista e redator

Last Updated on Monday, 18 April 2016 15:39
 
« StartPrev11NextEnd »

Page 11 of 11

Translate

Portuguese English Spanish