Home Saúde e Beleza
Saúde | Imunizações em adolescentes
Sunday, 15 May 2016 00:00


Mais um ano letivo chega ao fim. Férias estão na cabeça de todos e os que terminaram a High School já pensam no college.

Muitos morarão em dormitórios, e com isso surge uma preocupação com o que levar para lá. Mas existem recomendações médicas importantes com relação a imunizações.


1 - Vacina contra meningite


Foi observado que existia uma incidência maior de meningite meningocócica em estudantes de college que moravam em dormitórios. Trata-se de uma infecção bacteriana da membrana que recobre o cérebro. Os sintomas a principio são febre alta, dor de cabeça, vômitos, dores musculares e rigidez da nuca. Diferente da meningite viral que é autolimitada, a meningite bacteriana pode evoluir em horas e levar à morte.

Devido à gravidade dessa doença, vacinas foram desenvolvidas. O esquema de vacinação foi modificado de forma que quando o jovem chega ao college, ele deve ter tomado as duas doses da vacina (uma entre 12-13 anos e a segunda entre 16-18 anos). A vacina contra meningite existe há vários anos nos EUA e é segura. Os efeitos colaterais são mínimos, como dor no local da aplicação, febre baixa, dor de cabeça e dores no corpo. Caso o jovem não tenha recebido todas as doses da vacina, esta é uma boa oportunidade de colocar em dia.


2 - HPV


Hoje em dia, tanto os rapazes como as moças devem tomar essa vacina. Ela não é obrigatória, mas recomendada.

O HPV (Human papillomavirus) é sexualmente transmitido e causa doenças em homens e mulheres. A infecção persistente pelo subtipo de alto risco do HPV causa virtualmente todos os cânceres de colo uterino na mulher, câncer anal e na garganta em ambos os sexos, e câncer peniano no homem. Outros subtipos causam as verrugas genitais, que podem evoluir para câncer em alguns casos.

Embora existam raros relatos de problemas decorridos da vacina, estudos em larga escala foram realizados e a vacina foi considerada segura, com efeitos colaterais mínimos, sendo este dor no local da injeção, tontura, náusea e síncope. Como adolescente é mais propenso à síncope de uma maneira geral, existe a recomendação de se esperar por 15 minutos após a aplicação da vacina. O mesmo ocorre com a de meningite.

A vacina do HPV consiste de três doses, sendo a segunda e terceira doses depois de dois e seis meses respectivamente em relação à primeira. Hoje em dia, a recomendação para vacinação é aos 12-13 anos, porém muitos pais decidem postergar para os 15-16 anos. O ideal é a vacinação ser feita antes de o adolescente infectar-se com o vírus, ou seja, antes de iniciar atividade sexual. Mas a vacina pode ser aplicada a qualquer momento até os 26 anos. Em caso de perder uma das doses não é necessário recomeçar a série; só precisa terminá-la.


3 - Tdap


É o reforço da vacina contra tétano-difteria-pertussis, que também deve estar em dia. Ele deveria ter sido feito aos 11 anos e a cada 10 anos. Se, por alguma razão, a criança não teve seu reforço aos 11 anos, essa visita ao médico antes de ir para o college, é uma boa oportunidade para atualização.


Dessa forma, não só o laptop e tablet são importantes na lista para o college, mas a visita ao seu profissional de saúde também. Lembre-se que essas vacinas também podem ser tomadas no Health Department a um custo menor caso você não tenha seguro de saúde.

Prevenir doenças ainda é a melhor forma de se manter saudável. Aproveite as férias e não se esqueça do protetor solar, se você estiver indo para a praia. Tome muito líquido e comidas leves. E não esqueça também de fazer exercícios para manter a forma!




Dra. Katia Adams, MD.
Médica Brasileira - Clínica-Geral
Northeast Georgia Physicians Group - NGPG Dawsonville
108 Prominence Court, Ste. 200 Dawsonville, GA 30534
(Inside Medical Plaza 400)

Last Updated on Monday, 16 May 2016 20:46
 
« StartPrev111213141516171819NextEnd »

Page 18 of 19

Translate

Portuguese English Spanish