Home Bem-estar
Bem Estar | AUTOCONHECIMENTO
Tuesday, 19 October 2021 00:00


Autoconhecimento é um termo usado na psicologia para descrever as informações que um indivíduo utiliza ao encontrar uma resposta para uma pergunta que parece muito simples, mas no fundo é bem complexa: “Quem sou eu?”.

Conhecer a si mesmo é uma das habilidades mais importantes para o desenvolvimento e crescimento do indivíduo em todas as áreas de sua vida.

Saber lidar com situações, emoções diversas e pensamentos impactam diretamente na forma com que nos relacionamos com as pessoas e com o mundo ao nosso redor. Como consequência disso, impactam também na nossa sensação de bem-estar, felicidade, saúde física e mental.

O autoconhecimento refere-se à consciência da sua essência como ser humano e uma de suas principais características é que possibilita que o indivíduo se enxergue como ele realmente é, e não quem pensa ser, ou como aparece na foto. Em outras palavras, quer dizer que a pessoa tem clareza de sua personalidade, das suas atitudes e de suas emoções diante de situações e adversidades que são enfrentadas e vivenciadas em sua jornada.

Ter a consciência de quem realmente é, e saber os pontos que precisa melhorar ou potencializar, encarar honestamente os defeitos, vícios, medos, inseguranças, falhas, erros, limitações, permite que o indivíduo desenvolva o seu máximo potencial alcance o sucesso e a realização pessoal, além de e especialmente a paz e a harmonia interior. Além de fazer com que você tenha as respostas para essas e outras perguntas, o autoconhecimento permite guiar o indivíduo pelo seu desenvolvimento pessoal e auxilia e muito na definição do proposito de vida de cada ser humano.

Conhecer aspectos importantes sobre a sua individualidade ajuda a reforçar atitudes que o levem para mais próximo de sua autorrealização. É possível fazer mudanças necessárias e até mesmo eliminar atitudes que impeçam ou dificultem o seu desenvolvimento pessoal.

A descoberta de si mesmo se dá por meio de reflexões, análise de seus pensamentos e ações, e de suas emoções e sentimentos. O autoconhecimento é capaz de provocar uma consciência e atitude de poder e uma condição muito melhor para administrá-los de forma correta e construtiva.

Durante o processo de autoconhecimento é possível identificar traços de sua personalidade e reconhecer atitudes que o impedem de alcançar os seus objetivos. É possível fazer ajustes e melhorias para que você se torne uma pessoa melhor, independente da área que deseja se sentir satisfeito. Ajuda a traçar estratégias para alcançar suas metas e objetivos. Também a distinguir pessoas e situações que são positivas para a sua jornada e das que se deve afastar um pouco ou até romper a relação, por serem corrosivas e tóxicas.

Pessoas que se conhecem pouco a respeito de si mesmo podem se tornar incapazes de lidar com determinadas situações e pessoas. Frequentemente são pessoas com elevado nível de sofrimento emocional e limitadas na sua vida e que não possuem discernimento para promover atitudes que façam bem a si mesmo e para as pessoas que a cercam. Podem acabar sendo conduzidas por regras impostas pela sociedade ou por grupos, ou mesmo pessoas individualmente, especialmente as que lhes possa dar uma falsa sensação de conforto, apoio e segurança. Nessa situação, a pessoa não consegue se levar em conta nem os próprios sentimentos, desejos e aspirações.

Se conhecer exige a prática constante de análises e reflexões sobre suas atitudes, pensamentos e comportamento no dia a dia. Sempre sugeri que sejam feitas anotações em uma espécie de diário, só seu, reservado, para sua leitura constante, mas podendo ser compartilhada, discutida, analisada com um terapeuta, ou pessoas escolhidas a dedo, pessoas confiáveis, com experiência e sabedoria de vida, e verdadeiramente amigas. Escrever seus pensamentos e suas emoções ajuda a fixar em sua mente o que está sentindo e permite posterior análise de sua evolução.

Esse processo requer que o indivíduo seja muito sincero e honesto nas respostas e que o levem a refletir sobre suas respostas. Por isso que sempre recomendo fazer isso, na frente de um espelho, olho no olho. É importante lembrar que as respostas devem ser dadas de acordo com o que a pessoa é ou sente de verdade, e não como pensa que é ou gostaria que fosse.

Depois do autoconhecimento será possível fazer ajustes e melhorias para alcançar o indivíduo que gostaria de ser, mas sem mudar a sua essência. Ou seja, também é um processo de autoaceitação.

Há alguns exercícios e hábitos muito saudáveis nesse processo. Algumas perguntas para reflexão e feitas de tempos em tempos ajudam muito e permitem estimular o autoconhecimento e a reflexão sobre sua vida e sua pessoa. Esses são alguns exemplos de perguntas:


  • Quem sou eu?
  • Como eu me descreveria a uma pessoa que nunca me viu?
  • Quais são os meus sentimentos mais intensos?
  • Quais os sentimentos e pensamentos do qual me envergonho?
  • Como eu reajo em situações desafiadores e de estresse?
  • Do que eu tenho medo?
  • O que eu gosto e sinto orgulho em mim mesmo?
  • Que atitudes eu gostaria de eliminar dos meus hábitos?
  • Que tipo de lugares gosto e costumo frequentar?
  • Com que tipo de pessoas eu convivo?
  • Quem são os meus amigos?
  • Quais são meus hobbies?
  • Que hobbies eu gostaria de desenvolver?
  • Quais são os meus objetivos de curto, médio e de longo prazo?
  • O que eu gosto de fazer e gostaria de fazer mais?
  • O que eu não gosto de fazer e gostaria de ter que fazer menos ou não fazer?
  • O que me faz bem?
  • O que me desagrada?

Outro exercício: faça uma linha do tempo da sua vida. Essa ferramenta consiste em desenhar uma linha horizontal que representa a sua vida. Marque no centro da sua linha um ponto, que representa o momento atual em que você está. Preencha o lado esquerdo do ponto com acontecimentos e situações importantes que o fizeram chegar ao ponto em que está. Esses acontecimentos são fatos que marcaram a sua vida, podendo ser relacionamentos, cursos, acidentes, doenças, risco de vida... enfim, situações vivenciadas que de alguma forma o marcaram, pessoas que você conheceu e foram importantes e marcaram a sua trajetória.

Passe um tempo refletindo em como essas situações o ajudaram a tornar que você é atualmente. Pense nos impactos positivos e negativos que causaram em sua vida. Depois você deve preencher o lado direito do ponto que representa o seu momento atual com situações que deseja vivenciar no futuro. São seus sonhos, suas metas, o que você deseja ser. A partir desses desejos, dedique um tempo para traçar as estratégias necessárias para alcançar suas metas e objetivos.

Ao traçar essas metas e objetivos, leve em consideração os seus gostos pessoais. Avalie os seus dons e talentos, o que você precisa e quer desenvolver. Preocupe-se em colocar ações que te transmitam boas sensações e felicidade.

Saber as percepções que as pessoas têm sobre você é uma boa maneira de identificar pontos de melhoria e seus pontos fortes. Saber ouvir opiniões de outras pessoas também é importante para o processo de autoconhecimento. Não ignore as críticas e os elogios a seu respeito. Em vez disso, faça uma autoanálise que lhe permita enxergar verdadeiramente como você se comporta em determinadas situações.

Um bom feedback é composto por pontos que você precisa ouvir, e não necessariamente o que gostaria de ouvir. Nesse sentido, é importante que a pessoa escolhida não seja complacente com você e que seja sincera em suas palavras. Diga que você está em um processo de autoconhecimento e quer respostas verdadeiras, que não se importa se algumas delas poderão chateá-lo, pois saberá entender que são em razão de um bem maior: o seu autoconhecimento.

Mas lembre-se de algo muito importante: sempre procure o olhar das pessoas e o seu próprio durante esse tipo de conversa. Olho no olho, é fundamental! Isso vai lhe ajudar muito em saber quem está lhe falando realmente a verdade, e especialmente você com você mesmo.

O autoconhecimento é um processo constante. Nós, seres humanos, mudamos e evoluímos constantemente, e isso impacta diretamente nos seus caminhos e decisões em busca de uma vida plena e que realmente falha a pena, da qual você se sinta honrado. Por isso, sempre realize uma autoanálise reflexiva para tirar o maior proveito do seu autoconhecimento e estimular o seu desenvolvimento pessoal.



Dr. Carlos Hanzani
Médico Homeopata e Psicanalista na Art Of Healing Atlanta-Clinic
www.artofhealinginc.com
Phone: (404) 355-1662

Last Updated on Tuesday, 19 October 2021 20:02
 
« StartPrev12345678910NextEnd »

Page 1 of 14

Translate

Portuguese English Spanish